OUTUBRO - Queimadas no Brasil podem agravar problemas respiratórios
SETEMBRO -  Preserve o meio ambiente: Dia Mundial sem Carro
AGOSTO 2020 -  Redução da emissão de C02 durante a pandemia

Planeta Unimed A pandemia deixa um alerta à sociedade e ao meio ambiente.

A pandemia deixa um alerta à sociedade e ao meio ambiente.

O desequilíbrio provocado pelo homem pode estar associado à propagação do novo coronavírus.

Estamos vivendo uma pandemia mundial devido ao novo coronavírus (covid-19), que desde o início de março, obrigou os brasileiros e a população de vários países do mundo, como a Itália, Espanha e Estados Unidos, por exemplo, a adotarem medidas severas de isolamento social e quarentena, fechando serviços não essenciais do comércio.

Neste período de reclusão, a disseminação do vírus e suas consequências levam as pessoas aos mais diversos questionamentos sobre como estamos enfrentando as questões em relação ao meio ambiente e ao nosso comportamento como seres humanos pertencentes a uma sociedade.

Estamos todos no mesmo “barco”, pois bastou um vírus, espalhado por apenas uma pessoa em Wuhan, na China, para fazer com que todos discutissem sobre como os governos, entidades públicas, empresas e autônomos questionassem sobre o seu papel diante da sociedade e do meio ambiente.

Recentemente foi divulgado um estudo do pesquisador Allan Carlos Pscheidt - Doutor em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente e professor das Faculdades Metropolitanas Unidas, em São Paulo, que afirma que o novo coronavírus (covid-19), se alastrou pelo mundo graças à ação destrutiva e invasora do ser humano contra a natureza.

O doutor afirma também que o organismo que causa a covid-19 está há algum tempo no meio ambiente alojado em morcegos nativos de cavernas intocadas e, com a crescente devastação da natureza e habitats naturais, o vírus saiu de seu ciclo natural e alcançou seres humanos.

Na China, comer morcegos em forma de sopa é um alimento comum. Wuhan, epicentro da pandemia, é conhecida por seu mercado de frutos do mar e carne de animais selvagens, incluindo morcegos e cobras, o que pode ter causado a disseminação da covid-19.

Diante desse cenário, devemos rever o nosso papel como cidadãos e repensar em nossas atitudes com as questões ambientais e pessoais. Estamos em uma cadeia onde dependemos da natureza e da ação de todos.

Dos seus familiares, amigos, colegas de trabalho, vizinhos ou pessoas que não possuem um vínculo afetivo. Somos apenas um. Preserve a natureza e cuide de todos. A Unimed recomenda que você e sua família fiquem em casa.